Resenha O Duque e Eu – Série Bridgerton

Resenha O Duque e Eu – Série Bridgerton

Quer saber tudo sobre a nossa resenha O Duque e Eu? Então, continue lendo, mas cuidado, pois pode conter alguns spoilers!

 

Como você já deve saber a série de romance de época mais falada do momento irá estrear na Netflix bem no dia do natal. Com isso, os livros entraram muito em evidência e por isso eu decidi lê-los.

Foram os primeiros livros da Julia Quinn que eu li (no dia de hoje estou no quinto livro da série). A escrita da autora é bem simples, fácil de entender e a leitura é bem fluída, por isso consegui ler os primeiros quatro livros em pouquíssimo tempo. Então, se você ainda não leu, pode começar que tenho certeza que conseguirá ler pelo menos os dois primeiros antes da série estrear, já que é possível ler um por dia. Se você tiver tempo livre, é claro.

Além da leitura ser rápida, a história faz com que você queira saber o que aconteceu com os outros irmãos, então isso também ajuda a terminar os livros em pouco tempo.

Resenha O Duque e Eu: Resumo da história

O primeiro livro da série Os Bridgertons conta a história de Daphne Bridgerton, a quarta filha da família mais fértil da alta sociedade. Ao todo são oito irmãos, com os nomes em ordem em alfabética. Por essa razão, como a nossa protagonista é quarta filha o seu nome começa com a letra D. Sendo assim, o nome dos irmãos Bridgerton são: Anthony, Benedict, Colin, Eloise, Francesa, Gregory e a caçula Hyacinth.

O prólogo do livro inicia com a narração do nascimento de Simon, filho do duque de Hastings. O casal de nobres, no entanto, tinham dificuldade para engravidar e quando, por fim, a duquesa conseguia gerar a criança, acabava perdendo-a logo em seguida.

Dessa forma, por 15 anos eles tentaram conceber um herdeiro e, da última vez que ela engravidou, ficou condenada à cama, fazendo o mínimo esforço possível para que a gravidez corresse bem. E, então, Simon Basset nasceu e seu pai se sentiu muito orgulhoso, mas infelizmente, a duquesa não resistiu e faleceu.

Simon Basset

Com a morte da mãe, o menino foi criado por uma ama e quase não via o pai. Quando Simon completou 4 anos, o duque foi visitá-lo e ficou revoltado pelo fato da criança ainda não falar. É somente quando o homem tenta agredir o garoto que ele diz suas primeiras palavras “não bata em mim”, mas gagueja ao proferi-las. Então, o duque acredita que o menino é um “idiota” e finge que ele não  tem mais filho.

Sendo assim, Simon tenta a todo custo melhorar sua fala, mas mesmo assim não consegue o carinho do pai. Por causa disso ele vira um libertino, como um jeito de punir o duque. Além disso, faz um juramento de nunca se casar, nem de ter filhos e assim o ducado passaria para um primo, tudo o que o duque não queria.

Daphne Brigerton

Daphne havia debutado há duas temporadas e sua mãe, Violet, sempre a pressionava para encontrar um marido. A jovem, no entanto, queria se casar, mas não com qualquer um, pois já havia recebido quatro propostas e não aceitou nenhuma, uma vez que ela desejava se casar por amor, como seus pais.

Por outro lado, os homens por quem ela se interessava só a enxergavam como uma amiga e não como uma noiva em potencial. Isso antes de ela conhecer o novo duque de Hastings.

No entanto, ela não é uma mocinha bobinha como estamos acostumados a ler em romances de época, pois Daphne sabe o seu valor e isso é algo que faz com que ela conquiste Simon.

 

Kindle O Duque e eu

Resenha O Duque e Eu: Narrativa

O mais interessante do livro é que a narrativa é feita em terceira pessoa, entretanto, cada capítulo é escrito pela perspectiva de um dos protagonistas. Dessa forma, se o capítulo é narrado pelo ponto de vista de Daphne, você já sabe que o seguinte será pelo de Simon, e assim sucessivamente. O que faz a história ficar mais empolgante, porque sabemos o que os dois personagens estão pensando e sem a narração ficar maçante contada apenas sob a perspectiva de um personagem.

Além disso, todos os capítulos começam com um trecho das Crônicas de Lady Whistledown, uma espécie de jornal que conta as fofocas da sociedade. Já de primeira nos simpatizamos com a escritora, que sempre sabe o que dizer sobre as pessoas. Entretanto, ela pode ser motivo de briga entre os ingleses, visto que eles se dividem entre os que adoram o que a LW escreve e os que a odeiam por acharem intrometida.

Sendo assim, o maior mistério dos londrinos é descobrir quem é essa tal de Lady Whistledown, não só eles como nós também, é claro. Já que tenho certeza que, assim como eu, você também lia ou irá ler cada crônica dela tentando encontrar algo que pudesse revelá-la. Contudo, isso, meu gentil leitor, só será revelado no quarto livro da série intitulado Os Segredos de Colin Bridgerton.

E eu posso dizer, com tranquilidade, que o que faz essa série ter tanto sucesso não são os lindos irmãos Bridgerton, nem a sagacidades das irmãs B. Mas sim, a famosa Lady Whistledown, que personagem incrível!

 

O casal

A relação do casal protagonista é muito enemies to lovers. Eles começam o relacionamento com uma mentira. Simon finge cortejar Daphne para que as debutantes e suas mães parassem de importuná-lo e Daphne ficasse em evidência, já que com um duque interessado nela os outros homens também ficariam interessados e assim ela poderia escolher um noivo do seu agrado.

Então, se você ama esse clichê de casal que se odeia no início ou finge um relacionamento e ele vira realidade, vai amar esse livro! Além disso, a história desses dois possui muitas reviravoltas, inclusive um duelo entre Simon e o irmão mais velho de Daphne.

Por outro lado, eles também são os protagonistas de uma das cenas mais polêmicas da série, algo que divide os leitores. Já que Simon não queria ter filhos, mas mentiu à Daphne que na verdade não podia e por isso a atitude que ela toma ao saber da mentira é controverso.

 

Série Bridgerton Netflix

Série Bridgerton na Netflix

Como eu mencionei no início do texto, os livros mais famosos da Julia Quinn ganhará uma série na Netflix que tem estreia marcada dia 25 de dezembro, um presente de natal para os fãs. Já saíram 2 trailers da série até agora e quem leu todos os livros percebeu diversas mudanças na história.

Não irei citar aqui todas elas para não dar spoiler, pois pelo que parece a primeira temporada da série não mostrará apenas os acontecimentos do primeiro livro, mas também conheceremos personagens que apenas aparecem na quinta parte da história, como, por exemplo, a Marina.

Mas podemos mencionar a cor dos cabelos dos irmãos Bridgerton, já que no livro a autora, assim como Lady Whistledown, sempre enfatiza que todos os oito rapazes e moças possuem cabelos grossos e castanhos, mas a atriz que interpreta Daphne possui cabelos avermelhados.

Outra mudança que pode ser vista no trailer é a cor da pele de Simon e de outros personagens. Simon é descrito como branco, com cabelo preto e olhos verdes, ao passo que o ator escolhido é negro e de olhos castanhos. No entanto, ao que parece essa mudança foi bem aceita pelo público. Já que o ator parece se encaixar com a personalidade do personagem. Sem contar que no livro não existe quase nenhuma representatividade, mas a série está tentando reverter isso.

Dito isso, se você é um fiel leitor assim como eu, não deve ter gostado dessa mudanças. Já que o nosso desejo é de que as adaptações sejam sempre idênticas à história do livro, o que é obviamente impossível. Entretanto, só podemos dizer que não gostamos depois de assisti-la, não é mesmo? Então, vamos aguardar ansiosos pelo dia 25 para finalmente podermos assistir esta série tão esperada!

 

Deixe aqui nos comentários o que você achou de os Bridgerton resenha e qual é a cena que você está mais ansioso/a para ver na série!

Aproveite para ler a nossa resenha de Sol da Meia-noite!

 

Compre o livro: https://amzn.to/3fRTPwI 

Edição de luxo: https://amzn.to/2Rl5pGt

Vitoria Azevedo

Vitoria Azevedo

Sou formada em Letras-Espanhol e minha paixão pela leitura vem desde criança. Meus livros favoritos são de fantasia, romance de época e ficção científica. Siga meu instagram literário: @desveloliterario

2 comentários sobre “Resenha O Duque e Eu – Série Bridgerton

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *