Resumo do livro O Menino do Dedo Verde: Desfecho e Personagens

Resumo do livro O Menino do Dedo Verde: Desfecho e Personagens

O resumo do livro O Menino do Dedo Verde traz diversos temas relacionados a nossa sociedade e aos valores que devemos seguir dentro dela. Para completar, Maurice foi o primeiro autor a tratar do tema ecologia em seus livros infantis.

Essa obra foi publicada no ano de 1957 e é direcionada ao público infanto-juvenil. Apesar disso, essa é uma ótima leitura para pessoas de todas as idades. A seguir, a redação do Escritora de Sucesso traz as informações mais relevantes sobre o livro escrito por Maurice Druon.

Resumo do livro O Menino do Dedo Verde

O resumo do livro O Menino do Dedo Verde nos apresenta a história de Tistu, um garoto de origem nobre que vive em uma grande casa com a sua família. Todo o dinheiro vem de seu pai, chamado de Sr. Papai ao longo da narrativa, que possui uma fábrica de canhões.

Como Tistu não costuma prestar atenção em suas aulas, seu pai resolve contratar um professor particular, que o ensine a enxergar e vivenciar as coisas, de uma maneira bastante prática. Então, o garoto passa a aprender com o Sr. Trovões, gerente da fábrica, e com o jardineiro Bigode.

Já no início das aulas, o jardineiro percebe que Tistu tem uma habilidade incrível: o garoto possui dedo verde. Isto é, toda vez que Tistu encosta em alguma coisa com a ponta desse dedo, flores são concebidas nesse lugar. No entanto, como muitas pessoas não iriam entender essa habilidade, era melhor manter segredo.

Nas aulas do Sr. Trovões, Tistu começou a aprender assuntos um pouco mais sérios, além de conhecer lugares onde havia tristeza e desesperança, como hospitais e cadeias. Com a sua habilidade em mãos, o garoto resolve trazer a felicidade para esses lugares, mas em segredo.

Porém, não saiu como planejado, uma vez que a cadeia ficou infestada de flores, o que acabou encantando os presidiários, que se recusaram a fugir. Tistu também tocou em regiões de pobreza, que começaram a se tornar pontos turísticos dentro da cidade, tamanha era a beleza das flores.

É aí que o garoto é apresentado à fábrica de seu pai. Como se tratava de veículos de guerra, Tistu logo percebeu as coisas maléficas que eram produzidas ali dentro. Dessa forma, começou a usar seu dedo em todos os lugares, arruinando a fábrica de seu pai.

Como os canhões não lançavam mais bombas, não haviam mais vitórias na guerra. Assim que seu pai demonstra sua infelicidade, o garoto resolve mostrar sua habilidade para todos. Como solução de todos os problemas, o Sr. Papai inaugura uma fábrica de flores.

Depois de um tempo, Tistu é informado que o jardineiro havia feito uma viagem e que estava dormindo. Como ficou confuso com a notícia, o garoto foi pedir esclarecimentos para o seu pônei, que posteriormente disse a ele que Bigode havia morrido.

Com a sua inocência, Tistu criou uma escada de flores que o levariam até o céu. Quando chega lá, Bigode fica muito contente ao receber o garoto. Contudo, abaixo do céu, a família fica abalada assim que descobre que Tistu veio a falecer.

Veja também: Resumo do livro O Pequeno Príncipe: Conheça a moral da história

Como o livro termina

O livro O Menino do Dedo Verde termina com a família descobrindo a morte do personagem principal. Na ocasião, no mesmo dia de seu falecimento, os familiares saem para procurar Tistu pela cidade.

No entanto, tudo que encontram é um aviso, feito pelo próprio pônei do garoto, que dizia: Tistu era um Anjo.

Personagens do livro O Menino do Dedo Verde

Além de apresentar Tistu, a narrativa conta com diversos outros personagens que são importantes ao longo dos capítulos. São eles:

  • Bigode: o jardineiro que oferecia conselhos a Tistu;
  • Sr. Papai: pai de Tistu, dono da fábrica;
  • Dona Mamãe: mãe de Tistu;
  • Sr. Trovões: gerente da fábrica do Sr. Papai;
  • Cárolo: mordomo da família;
  • Sinhá Amélia: cozinheira que trabalhava na casa de Tistu;
  • Ginástico: pônei de Tistu.

Conheça o autor do livro: Maurice Druon

Maurice Druon nasceu no ano de 1918, na capital da França, Paris. Uma curiosidade do autor é que um de seus antepassados também era escritor e tinha nacionalidade brasileira. Odorico Mendes, bisavô de Druon, trabalhava como jornalista e político, além de escrever e traduzir obras famosas.

No entanto, Odorico Mendes não era o único parente de Maurice que tinha relação com a literatura. O autor Joseph Kessel era um dos tios de Druon, e juntos escreveram o “Canto dos Partidários”, que serviu como hino para grupos de resistência na Segunda Guerra Mundial.

Foi em 1946, então, que Maurice Druon se consagrou nos livros, ganhando o Prêmio Goncourt pela obra As Grandes Famílias, junto a diversos outros prêmios que chegaram para prestigiar a famosa novela.

Além de O Menino do Dedo Verde, outras obras que se destacaram na carreira de Druon são a série Os Reis Malditos e, como já citada, As Grandes Famílias, que com certeza irão agradar os fãs do escritor.

Veja também: Resumo da obra O Crime do Padre Amaro ─ Análise e Características

Larissa Rogenski

Graduanda do curso de Engenharia Química pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná, destaca-se também nas ciências humanas, complementando o time de redação do Escritora de Sucesso, publicando conteúdos relevantes diariamente.

3 comentários sobre “Resumo do livro O Menino do Dedo Verde: Desfecho e Personagens

  1. Adorei o resumo feito por vc, dessa obra que li a mais de 30 anos atrás!!!!!
    Foi emocionante reencontrar esse personagem que tem em meu coração uma marca indelével e que contribuiu para a minha identidade…

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *